Maceió Unida Contra Dengue intensifica coleta de pneus de 18 a 23 de outubro

SMS mobiliza agentes e servidores para recolhimento de pneus e ações de combate a roedores e escorpiões

A Prefeitura de Maceió dará sequência, de 18 a 23 de outubro, à campanha Maceió Unida Contra a Dengue, lançada em agosto deste ano. Nesta etapa, as ações estarão voltadas ao recolhimento de pneus, que estão entre os depósitos mais propícios a se tornar criadouros do mosquito Aedes aegypti, por meio do acúmulo de água. Paralelamente, será desencadeada ação de controle de roedores e escorpiões, em pontos com alta infestação.

A Gerência de Controle de Vetores e Animais Peçonhentos da Secretaria Municipal de Saúde informa que esta semana a Prefeitura inicia ação de conscientização de proprietários de estabelecimentos comerciais e de locais com acúmulo inadequado de pneus e durante a próxima semana, 320 agentes de endemias, além de dezenas de supervisores de área, supervisores gerais e fiscais e servidores de vários órgãos municipais, parceiros e voluntários, irão a campo para eliminação dos criadouros em pontos críticos de proliferação de mosquito.

Serão fiscalizados estabelecimentos de comercialização de pneus, como borracharias e oficinas de veículos, construções abandonadas, ferros-velhos, depósitos de sucata e terrenos usados como pontos de descarte inadequado de resíduos sólidos, além de outros locais identificados pelos agendes de endemias e a população, em geral.

“Faremos uma grande mobilização para a coleta de pneus, uma vez que estamos em período crescente de número de casos de dengue. A situação é preocupante, principalmente porque tivemos a confirmação de um óbito por dengue e temos dois casos sob investigação. É uma preocupação muito grande para a população e precisamos atuar com firmeza para eliminação de criadouros”, afirma a gerente de Controle de Vetores e Animais Peçonhentos da Secretaria Municipal de Saúde, Carmem Samico.

De 18 a 20 de outubro, serão feitas visitas de inspeção em locais de potencial acúmulo de pneus e água parada, como borracharias, ferros-velhos e pontos críticos de descarte irregular. No dia 23, o Dia D da campanha, haverá mobilização da população para levar pneus usados aos pontos de recolhimento que serão instalados nas Praças Padre Cícero, no Benedito Bentes; Praça Multieventos, na Pajuçara; Praça do Osman Loureiro, no Clima Bom e Praça da Faculdade, no Prado.

“Durante levantamento de índices, identificamos problemas de descarte incorreto e esses pneus servem de criadouros para o mosquito, além de borracharias, que nem sempre fazem o acondicionamento adequado dos pneus, servindo, quando chove, ao acúmulo de água. A ação também será voltada às construtoras e ferros-velhos para orientar sobre a prevenção do acúmulo de água”, informa Carmem Samico.

Programação

Controle de roedores e escorpiões

Além do recolhimento de pneus, outro foco da campanha Maceió Unida Contra a Dengue será o controle de roedores. Estão previstas visitas de inspeção a 1.884 imóveis e barracas da orla marítima. “Faremos inspeção domiciliar para manejo e controle dos imóveis positivos para roedores e escorpiões, além de tratamento nas bocas de lobo das áreas de maior incidência”, informa a gerente de Controle de Vetores e Animais Peçonhentos.

Ela informa que os bairros onde foi identificada maior incidência de escorpiões são São Jorge, Barro Duro, Serraria, Jacintinho, Ponta Grossa, Levada, Trapiche Vergel, Cidade Universitária, Tabuleiro dos Martins, Clima Bom e Santa Lúcia. Além disso, serão inspecionadas construções nos bairros de Pajuçara, Ponta Verde, Jatiúca, Mangabeiras, Gruta de Lourdes, Farol, Serraria, Barro Duro, Cidade Universitária e Benedito Bentes.

Parcerias

A campanha mobiliza, além da Secretaria Municipal de Saúde (SMS), as secretarias e órgãos municipais de Governo (SMG), Desenvolvimento Territorial e Meio Ambiente (Sedet), Segurança Comunitária e do Convívio Social (Semscs), Comunicação (Secom), Educação (Semed) e Turismo (Semtur), Superintendência de Desenvolvimento Sustentável (Sudes), Fundação Municipal de Ação Cultural (Fmac), Defesa Civil Municipal, além de órgãos e instituições como o Conselho Regional de Engenharia e Agronomia (Crea-AL), Associação de Empresas do Mercado Imobiliário de Alagoas (Ademi) e outros parceiros.

Ascom SMS

FacebookTwitterGoogle Bookmarks